domingo, 17 de dezembro de 2017

Livro: FRANKENSTEIN - Mary Shelley

Mais um clássico da literatura? Mais um clássico da literatura.

Resenha Último Ato! 
  • Nome Original: Frankenstein or the Modern Prometeu
  • Autora: Mary Shelley
  • Editora: Nova Fronteira 
  • 236 páginas
  • 2ª Edição – 2014
Sinopse:
Inebriado por uma sociedade cientificista e encantado com a alquimia medieval, um estudante decide criar um ser humano. Quando, porém, ele dá o sopro de vida à criatura, é tomado de horror e foge, abandonando sua invenção. Com uma personalidade a um só tempo dócil e cruel, forjada numa existência solitária no mundo, o monstro decide ir atrás de seu criador. Mas é novamente rejeitado e, amargurado pelo modo odioso com que é tratado pelas pessoas, inicia a mais cruel das vinganças, que desencadeia uma dupla perseguição e um inevitável fim trágico.

quarta-feira, 13 de dezembro de 2017

Filme: O GRANDE DITADOR - Charles Chaplin

Olá pessoas, como vocês estão? Espero que muito bem. Hoje vamos mais uma vez falar de Chaplin, que como quem acompanha o blog há algum tempo sabe, é uma pessoa que admiro muitíssimo. Bora lá?






Título: O Grande Ditador
Título original: The Great Dictator
Ano: 1940
Direção: Charles Chaplin
Gênero: Comédia dramática, sátira crítica
P&B - 124 min








"Esta é a história do período entre duas guerras mundiais, quando a loucura se espalhou, a liberdade foi ameaçada e a humanidade pereceu."
Já no começo somos apresentados ao carismático barbeiro judeu (Chaplin), nas batalhas da Primeira Guerra Mundial. Ele, embora meio atrapalhado, está lutando em nome de seu país, Tomânia, e acaba se vendo envolvido na tentativa de salvar o comandante Schultz (Reginald Gardiner), que precisa levar uns documentos até os superiores, documentos esses que podem levar a vitória a nação.

domingo, 10 de dezembro de 2017

Livro: O ORFANATO DA SRTA. PEREGRINE PARA CRIANÇAS PECULIARES - Ransom Riggs

Se eu li o livro quase um ano depois de tê-lo ganho? Então, "eu posso explicar"...

Resenha Último Ato!
  • Título Original: Miss Peregrine's Home for Peculiar Children
  • Autor: Ramson Riggs
  • Editora: LeYa
  • 336 Páginas
  • 4ª Edição – 2015

Sinopse:

Jacob Portman cresceu ouvindo as histórias fantásticas que o avô, Abe, contava. Na época da Segunda Guerra Mundial, Abe havia morado numa ilha remota, num casarão que funcionava como abrigo para crianças. Lá, ele convivera com uma menina que levitava, uma garota que produzia fogo com as mãos, um menino invisível… Entretanto, todas essas histórias foram perdendo o encanto à medida que Jacob crescia. Até que, aos dezesseis anos, tudo volta à tona para se provar real. Abalado com a morte misteriosa do avô, Jacob decide ir à tal ilha para tentar entender as últimas palavras de Abe: “Encontre a ave. Na fenda. Do outro lado do túmulo do velho.”

quarta-feira, 6 de dezembro de 2017

Música: DESAFIO 250 MÚSICAS - Parte 5

Voltamos com a programação musical desse blog (a pessoa encarnou o narrador da sessão da tarde). Chegamos à parte 5 com as músicas dos itens 101 a 125. Como sempre, aqueles lembretezinhos: a playlist estará com todas as músicas citadas, ao fim do post.

Para ver as demais partes do especial, só clicar em qualquer link abaixo:
Então bora lá ver quais são as músicas de hoje?



101-Uma música que não faça sentido:
Mamonas Assassinas – Débil Metal

Gosto horrores.

domingo, 3 de dezembro de 2017

Especial: DICAS PARA LER MAIS E MELHOR

Olá pessoas, como vocês estão? Espero que bem!

Hoje resolvi trazer para vocês um especial sobre como ler em maior quantidade e com mais qualidade! A pergunta é: por quê? 

Eu sou uma leitora apaixonada, e em média leio de 4 a 5 livros por mês. Conheço gente que lê bem mais, porém conheço quem não lê isso nem em um ano. Geralmente muitos dos que não leem fazem a seguinte estratosfericamente chata afirmação: "Você não trabalha? O que faz da vida? Só vive para ler, não é? Porque olha eu não tenho o tempo que você tem..."

Às vezes, querido e potencial leitor, boa leitura e boa quantidade de leitura não está intimamente relacionada a tempo apenas. É infinitamente menos chato uma pessoa ser sincera e dizer logo que não gosta e não quer ler do que ficar tentando arrumar desculpas para justificar a falta de interesse. E POR ISSO, a tia aqui resolveu dar dicas de como ela faz para ter leituras bem satisfatórias regularmente. (Sim, usando a terceira pessoa, já parei). 

Então se você tem interesse em ler mais, vamos lá, espero que estas dicas funcionem com vocês assim como funcionam comigo!

Já começo introduzindo com Benedict Cumberbatch que é pra dar
um gás logo de cara no post HAHA